domingo, 26 de fevereiro de 2017

Guamaré: “É necessário ter no mínimo respeito para falar da Oposição de Guamaré”

Postado por com 0 comentário

Por Irimar Ferreira – Quero pedir um minuto da sua atenção para esses pequenos trechos que iremos escrever sobre a oposição que se formou na cidade de Guamaré. Inicialmente a cidade só conhecia o solitário e visionário Vereador Gustavo Santiago, logo depois o ex-vereador Edinho de Moacir entendeu que a situação já tinha se perdido no tempo de realizar o que tinha prometido para mudar a cidade, daí então aderiu à oposição que ficou mais forte e rochosa.
Mais adiante a Vereadora Diva Araujo reconheceu que sua contribuição para um governo que não conseguiu sequer cumprir 30% de suas promessas não caberia mais sua participação, e por fim, a vereador Francisca do Camarão e o Vereador Emilson de Borba (Lula) vitimados pelo “fogo Amigo” não teriam mais nenhum motivo para continuar ao lado de um governo que tanto contribuíram, mas que no fim o pagamento para eles foi à ingratidão.
Atualmente a formação dos 5 vereadores que recebeu o nome de  “A Liga da Justiça” pelos populares, sofre um verdadeiro bombardeio por parte da situação, para ser mais direto, daqueles que pensaram ser os supremos donos da informação midiática,  mas felizmente foram traídos por suas ambiciosas mentes. Na tentativa de agradar aos seus superiores esses que se denominam conhecedores da informação não se limitam quando o assunto é oposição, usam de todos os argumentos que podemos imaginar para tentar promover veracidade no que escrevem.
O Fato é que a cidade de Guamaré vive um dos piores momentos administrativos já vistos, decretos de emergência (água) obras inacabadas, falta de emprego e nem previsão para geração, falta de novas propostas para o desenvolvimento da cidade, o turismo não consegue se efetivar, servidores sem perspectivas reais de melhorias, população clamando por habitação, falta de entretenimentos, saneamento básico ainda faltando ser realizado e um gestor que administra MILHÕES, mas que a cada dia conquista o descrédito com a população. Em meio a uma situação dessas jamais podemos culpar a oposição por tal crise, pelo contrario, esta oposição será responsável de cobrar soluções definitivas e urgentes para que o município encontre seu rumo novamente.
Alguns maus desinformados tentam bruscamente confundir a mente da população usando seus canais de informações para promover o desgaste e um clima de guerra na população. A função da mídia é basicamente informar, mas alguns vão adiante e se postulam como verdadeiros Juízes determinando muitas vezes aquilo que ainda deverá ser sentenciado por uma corte, e não por um blogueiro. Para finalizar deixo a dica para aos que se constituem “ministros da informação” que visitem as comunidades de Guamaré e vejam a realidade, que vão as ruas e busquem direto com o povo informações referentes sobre a cidade, saiam do ar-condicionado de seus carros e junte ao suor do povo para que ao menos tente sentir o que o povo sente.
Todos nós sabemos que entre a situação e oposição é bem mais cômodo ficar na situação, ela tem recursos, ela nos deixa confortavelmente bem, ela promove o glamour perante a sociedade que não admite ter quem os contrariem, por esse motivo às vezes acontece à falta de respeito com quem escolhe a oposição, o lado dos mais “fracos,” o lado dos que sempre é acusado de querer se dar de bem, o lado dos que nem todos tem a coragem de admitir que está, o lado onde apenas os que desejam construir um futuro mais justo para que todos tenham as mesmas oportunidades, e não viver atrelado a um sistema que determina quem será beneficiado e quem não será.
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário